terça-feira, 24 de junho de 2014

É preciso repensar o ensino da disciplina de Educação Visual


Termino este ano letivo com uma reflexão sobre o ensino da disciplina de Educação Visual que eu subescrevo na integra.


"Após uma reflexão sobre o trabalho desenvolvido neste ano letivo, considero inaceitável que esta disciplina fundamental para o desenvolvimento integral dos jovens e da sua sensibilidade estética, seja penas lecionada uma vez por semana e considero ainda que o seu trabalho pedagógico/didático, bem como o desenvolvimento das atividades, sejam altamente penalisados com turmas de trinta alunos.
Estes jovens, futuros cidadãos, artistas, designers, arquitetos, estilistas não estão a desenvolver as bases, os alicerces de uma cultura visual, que lhes permitiria a formação, não só de uma sensibilidade estética mas também de uma carreira de sucesso num mundo cada vez mais globalizado e por isso, mais concorrencial.
Acrescente-se ainda o facto do programa da disciplina ser extenso e a fasquia das metas a atingir ser demasiado alta e desadequada ao nível dos alunos.
A organização curricular desta disciplina exige uma urgente e profunda reflexão por parte dos envolvidos mas principalmente das instituições da tutela."
Professor António Vasconcelos


Apesar das dificuldades sentidas ao longo deste ano letivo considero positivo o trabalho desenvolvido pelos alunos, que podia ser melhor num contexto de ensino mais equilibrado e funcional.
Deixo este testo da Associação de Professores de Expressão e Comunicação Visual que faz o enquadramento do estado atual da educação artística.

Concurso de fotografia 2018

Regulamento do concurso de fotografia Formulário para inscrição